quarta-feira, abril 14, 2010

Uma homenagem merecida


Falei a poucos dias de Caio Domingues, uma figura que sempre mereceu homenagens, pelo seu caráter, sua capacidade profissional e empreendedora e a contribuição ao mercado. Não somente o carioca, mas tambem o mercado brasileiro de publicidade como um todo.
A seriedade e o respeito de um Caio Domingues, poucos conseguem...

Acontece que a conta da Xerox era do Caio. Ele a conquistou e realizou trabalhos excelentes.
A VS Escala, porem, conseguiu uma fatia da Xerox. E nós a dividíamos. Numa boa, nunca houve problemas neste sentido.

Com a morte do Caio, surgiu uma oportunidade de homenageá-lo, à altura do que ele merecia. E não houve pedido de anúncio por parte do atendimento ou da agência.
O sempre brilhante Paulinho Costa, no mesmo dia sacou o título acima, e o apresentou à diretoria, que no mesmo instante autorizou a publicação. Eu, apenas humildemente, e com um puta dum orgulho, tive a sorte de leiautá-lo.

Hoje, Paulinho está na mesma equipe de Caio Domingues e tantos que se foram... Lá no céu * !

(*) Faço questão de afirmar aqui que sou um ateu (à toa), sempre fui e pretendo morrer sendo. Mas, por licenciosidade poética, achei por bem finalizar o texto assim. Não ficou bonito?

12 comentários:

Anita disse...

O Caio Domingues que eu não conheci em vida mas de quem sempre ouvi falar muito bem devia ser uma pessoa maravilhosa mesmo.
Nunca li nada em que alguém falasse mal dele.
E o anúncio que vocês fizeram é lindo!

Jonga Olivieri disse...

Obrigado pela parte que me toca, Anita.
E tambem agradeço pelo Paulinho.

Jonga Olivieri disse...

Marcia Altoé, excelente redatora com quem fiz alguns frilas na "Punch" comentou no facebook: "A última postagem é uma bela homenagem ao grande publicitário Caio Domingues. Parabéns pelo excelente Blog!!!"

Anônimo disse...

Como eu falei da outra vez em que voce comentou sobre o Caio: era um grande carater e um profissional competente e preparado. E sua agencia um dos melhores ambientes que jamais se conheceram entre estabelecimentos da publicidade.

Anonymous
New York

Jonga Olivieri disse...

Nunca vi ninguem falando mal do Caio Domingues.

maria disse...

Belo anúncio. E pelo jeito dedicado a um belo ser humano.

Jonga Olivieri disse...

Brigadão, Mary.
E para mim foi uma honra ter conhecido o Caio.

Anônimo disse...

Mais uma excelente matéria sobre o Caio Domingues que nos deixou saudades.
Júlio

Jonga Olivieri disse...

Caio era um nobre em seus relacionamentos, um gentleman.
E o detalhe de sua gravatinha de borboleta !?

Popeye disse...

Já é a segunda vez em tão pouco tempo que você fala muito bem deste Caio.
Caramba, deve ter sido uma personalidade marcante entre publicitários.

Jonga Olivieri disse...

E foi, meu caro! Foi um marco que infelizmente despareceu.
Teem pessoas que nunca deveriam morrer. E ele, sem dúvida, era uma delas!

Jonga Olivieri disse...

Aliás, digo mais. Um Paulinho Costa, que se foi aos 57 anos era outro.
O Ronaldo Graça, que nos deixou em janeiro tambem está nessa lista.
Mas, na verdade, essas gentes não morrem enquanto seus ensinamentos perdurarem entre aqueles que os conheceram.
Ou mesmo os que vierem a ler sobre eles num futuro qualquer.