sábado, julho 13, 2013

Um filme a que se assiste com gostio*



O comercial postado abaixo foi criado e produzido em 1982 por Duda Mendonça... E eu o considero uma obra prima por sua simplicidade e atualidade.
Aliás, justiça seja feita, Duda sempre teve um talento especial para criar filmes publicitários inesquecíveis. Pelo menos foi o que comprovei naquele período em que trabalhei com ele na Bahia... E este talvez seja um dos melhores, pois  se fosse citar todos aqui, certamente encheria páginas.

Tenho um conhecido (que prefiro não revelar o nome), e que morria de inveja dele, que me dizia –e creio, chegou a falar com ele, Duda–, que  este não “tinha capacidade para ‘bolar’ um filmete de 10 segundos” (sic). Mas a verdade é que o criativo tinha uma senhora visão da comunicação através das imagens em movimento, mesmo que a maioria de seus comerciais fossem de um minuto e meio pra cima.

E o exemplo abaixo é suficiente para a ilustrar a série “criatividade com simplicidade – capítulo Duda Mendonça”. 

  

(*) O acento baiano para a palavra gosto


6 comentários:

Cantídio disse...

Pode até parecer fofoca da minha parte, mas quem foi que disse que Duda não “tinha capacidade para ‘bolar’ um 'filmete' de 10 segundos?

Afinal que importância tem isso se ele criou tantos 'filmões' maiores que são simplesmente verdadeiros filmões?

Caspt!

Anita disse...

Belo filme. E como você disse atual!

Jussara disse...

Até arrepei com este comercial!

Anônimo disse...

Poucas vezes vi um filme publicitário (eu que não sou um) tão claro e emocionante.
Não parece mesmo que é do século passado, como se dizia no século XX para as coisas antigas..

Tavim

Anônimo disse...

Lembro desse filme. Eu estava ai no Brasil na epoca e ele foi premiadissimo.
E isso e comunicacao de verdade no mais profundo sentido da palavra.

Anonymous
New York

Ernani disse...

Que bom que você publicou este filem. Vou copiar pro meu arquivo de comerciais geniais!